sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Viajar é preciso.
Não imagino ninguém experimentar tudo o que a vida pode oferecer vivendo estacionado somente num lugar.


O primeiro passo é vencer a preguiça. Depois o medo. 
Espere passar por altos e baixos. 
Espero sorrir e chorar. Calor e frio.


Só saiba que, quanto mais intensamente seu coração bater, melhor você terá aproveitado tudo isso.

Um comentário:

renata disse...

(pode ser que..) um coração batendo intensamente, mesmo somente num lugar, eleva a alma a mil palmos da cabeça ali estacionada.
Basta imaginar!